quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

Broas de Côco da Madeira

Na Madeira em cá em Porto Santo o Natal é vivido com muita alegria.

Como qualquer outra terra, também temos as nossas tradições Natalícias.

Começam com as missas do parto, que vão desde o dia 15 de Dezembro até dia 23, e que faz com que as pessoas se levantem bem cedo e que se reunam todos na igreja por volta das 06h, 07h da manhã.

Depois há normalmente um convívio em que as pessoas bebem canja de galinha, comem sandes, bebem licores (pois, sei o que estão a pensar...beber às 07 da manhã???Mas é assim aqui, e não...não são um bando de bêbados, bebem para celebrar o Natal e o Nascimento de Jesus.

Uma das iguarias que muitas vezes as pessoas levam para esses convívios, e até normalmente todas as casas têem no Natal, são as broas de côco.

Uma delícia singular, como diria a minha filha.

Photobucket


400g açúcar
350g côco raado
2 ovos grandes

Mistura-se tudo numa taça, com uma colher de pau, ou como eu faço com as mãos.

Moldam-se pequenas bolinhas e leva-se ao forno sob um tapete de silicone ou um tabuleiro forrado com papel vegetal, cerca de 15m.


Photobucket


Estas broas ficam durinhas por fora e molinhas por dentro.



Photobucket


Uma tentação!

15 comentários:

  1. Hummm..... comia jà meia duzia delas amigas, ficaram muito bonitas!

    bjs

    ResponderEliminar
  2. Bom dia Carla,
    Estas broas fiaram com um ar mesmo delicioso, eu gosto bastante de tudo o que leva coco,portanto para mim estão mais que aprovadas.
    Beijinhos e um resto de um bom dia.

    ResponderEliminar
  3. Devem ser muito boas as tuas broinhas amiga, ainda por cima tradições da nossa terra melhor...bjokitas

    ResponderEliminar
  4. Que bom aspecto.... Já comia!
    E gostei muito de saber as tradições daí. Beijocas

    ResponderEliminar
  5. Olá Carla,

    Mas que bela receita, adoro côco! Levo-a comigo pois quero mesmo experimentá-la! As vossas tradições são muito engraçadas =) ah que as levar sempre e nunca as deixar acabar! São a nossa essência.
    Uma pergunta, será que posso reduzir um pouco o açúcar, sem alterar muito a receita?

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  6. Ena broinha boa!!!Podes mandar 1 kilinho aqui para o Continente....eheheh

    Bjoka
    Rita

    ResponderEliminar
  7. Carla parece que vou ter de ir aí o Natal para comer de beber logo de manhã cedinho eheheh
    Gostei dessas broas de côco :)

    Beijinho

    ResponderEliminar
  8. Olha que boa ideia tu me estás a dar para eu fazer para levar para a festa de Natal da escola da Alexandra! Gostei imenso e parecem muito fáceis de fazer!

    ResponderEliminar
  9. Que bom aspecto.
    Infelizmente lá por casa não gostam de côco, só mesmo eu.
    beijinhos

    ResponderEliminar
  10. Obrigada pelos comentários!

    Paulinha, a receita original é o côco com a mesma quantidade de açúcar, ou seja tipo 1kg de açúcar para 1kg de côco e eu já reduzi, mas penso que não deves reduzir muito mais. Acredita que não ficam assim tão doces como parecem, ficam sim é muito gulosas.

    Mónica, cá te espero!

    Luísa, é mesmo uma óptima sugestão para as festas da escola, aguentam bastante.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  11. Parecem mesmo tentadoras...
    Obrigado por partilhares...
    Beijinhos e boa semana...

    ResponderEliminar
  12. Muito fáceis e são exelentes até para festas. Adorei estas broínhas :)

    ResponderEliminar
  13. Olá Carla,

    Obrigada pela ajuda! Vou então fazer a receita com as mesmas quantidades que usaste :) vou-me lambuzar, ja sei!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  14. Adorei estas broas. Devem ser fantásticas!!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  15. Uma tentação grande!!!! ainda hoje ouvi no progrma do Goucha falar destas missas! bjks

    ResponderEliminar

Agradeço o seu comentário!

Entre em acção, deixe aqui a sua opinião e partilhe comigo dicas e sugestões.

Beijinhos........;)